Ser Miss é ser assim...

" Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das ideias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes... tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostrem o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração.
Não me façam ser quem eu não sou.
Não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente.
Não sei amar pela metade.
Não sei viver de mentira.
Não sei voar de pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma para sempre."

Clarice Lispector

4.12.10

Não ature gente de coração leviano!

Que delícia, mais um final de semana e com ele a calma e tranquilidade que desejei todos os dias que passaram.
Consegui um tempinho hj para me dedicar aos desabafos que ando fazendo por aqui e que mais gosto nesse blog. Embora as postagens mais visitadas são as de decoração, fotos e viagens, nem sei se muita gente lê esses textos longos, sei que tem pessoas que não gostam ou não tem tempo e paciência, respeito todas, fiz o blog para que eu pudesse me expressar mais, coisa que quase nem faço kkkk
Bem, mas me dedicar a escrever é um exercício que me deixa feliz, e se escrevo, evito falar...o que geralmente causa problemas com alqueles que preferem não ouvir....
Cada um na sua e eu na minha...e por aqui... Mas, também sei que muitas pessoas gostam do que escrevo, me conhecem melhor e se encontram em alguns textos ou palavras, então, continuo..por elas e por mim!
Para começar o finde, escolhi um texto do Bial, que por sinal adoro, com a super sinceridade que tem e toda dedicação que encontro em suas palavras...



"Não seja leviano com o coração dos outros.
Não ature gente de coração leviano
Não perca tempo com inveja.
Às vezes se está por cima,
às vezes por baixo.
A peleja é longa e, no fim,
é só você contra você mesmo.
Não esqueça os elogios que receber.
Esqueça as ofensas.
Se conseguir isso, me ensine. ( a mim tb!!!!)
Guarde as antigas cartas de amor
Estique-se.
Não se sinta culpado por não saber o que fazer da vida
As pessoas mais interessantes que eu conheço não sabiam, aos vinte e dois
o que queriam fazer da vida.
Alguns dos quarentões mais interessantes que eu conheço ainda não sabem.
Talvez você case, talvez não.
Talvez tenha filhos, talvez não.
Talvez se divorcie aos quarenta, talvez dance ciranda em suas bodas de diamante.
Faça o que fizer não se auto congratule demais, nem seja severo demais com você,
As suas escolhas tem sempre metade das chances de dar certo,
É assim para todo mundo.
Desfrute de seu corpo use-o de toda maneira que puder, mesmo!!
Não tenha medo de seu corpo ou do que as outras pessoas possam achar dele,
É o mais incrível instrumento que você jamais vai possuir.
Dance.
Mesmo que não tenha aonde além de seu próprio quarto.
Dedique-se a conhecer seus pais. É impossível prever quando eles terão ido embora, de vez.
Seja legal com seus irmãos. Eles são a melhor ponte com o seu passado e possivelmente quem vai sempre mesmo te apoiar no futuro.
Entenda que amigos vão e vem, mas nunca abra mão de uns poucos e bons.
Esforce-se de verdade para diminuir as distâncias geográficas e de estilos de vida, porque quanto mais velho você ficar, mais você vai precisar das pessoas que você conheceu quando jovem.
Viaje.
Aceite certas verdades inescapáveis:
E não espere que ninguém segure a sua barra."

Pedro Bial

Gosto muito dessa parte do texto que coloquei para compartilhar, porque é  a mais pura verdade. Temos muitos amigos, pessoas queridas, mas também o mundo, o nosso mundo é cheio de coisas ruins, feitas e desejadas por pessoas ruins, que não dançam, não dão gargalhadas, não se doam, não se entregam, não se misturam, preferem ficar no topo, olhando para baixo...que nada, aqui embaixo é que  a vida realmente acontece!
Muitas vezes eperamos um convite, um telefonema, um olá, e nem sempre vem...tenho esse astral de me doar aos outros, mas confesso que muitas vezes espero alô em troca, as vezes vem, as vezes não... Mas não deixo de fazer o que gosto, chamar amigos, reunir pessoas, fazer de um momento algo diferente, mesmo que depois, ninguém faça o mesmo e acabamos aqui...meu marido, eu, mamis, papis....mas tudo bem, vale a pena, pelo menos por enquanto está valendo, e assim vou, eu mesma, segurando minha barra! E a dos outros as vezes tb!
Adoro ser assim, e não sei ser diferente, nem sei se quero! Deixei de dar importância para pessoas de coração leviano, agora me importo com meu mundo...

Bom sábado!
Dance, viaje, passe o tempo com pessoas queridas, se ame!

2 comentários:

Angélica e Daniel disse...

Lindo texto...
Refleti!!! Adoro a parte dos desabafos! Até eu me sinto leve, sabia?
Ah! E obrigada por seus comentários no Blog.
De verdade, adoro vc!
Um beijo e bom domingo.

Marcinha disse...

Simplesmente maravilhoso!!
Esse texto fazia parte dos meus arquivos para ser colocado no meu Blog... mas na versao de video!!
Gosto muito dos textos do Bial!!
E sinceramente... acho que tem que ser assim mesmo!!! Temos que ser nós mesmas... Nao temos que nos julgar por isso e sim nos orgulhar, pois o mundo já está cheio de falsidades!!
Tenha uma excelente semana!!!
Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...