Ser Miss é ser assim...

" Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das ideias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes... tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostrem o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração.
Não me façam ser quem eu não sou.
Não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente.
Não sei amar pela metade.
Não sei viver de mentira.
Não sei voar de pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma para sempre."

Clarice Lispector

9.9.10

O Monge e o Executivo



Já faz um certo tempo que li "O monge e o executivo", de James C. Hunter, leitura que indico a todos. Mas resolvi começar o item "livros" por ele, já que me ajudou no meu crescimento pessoal e profissional.
Há uma reflexão muito interessante sobre poder, autoridade e exemplos de humanidade,  como o do maior de todos nossos líderes até hoje que  nos ensinou que liderar é servir, sacrificar-se e amar. "Porque o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em redenção por muitos." (cf. Mc 10, 45)

Itens relevantes;
* Autoridade é diferente de poder.
Poder é o ato de forçar ou coagir alguém a fazer sua vontade por causa de sua posição ou força, mesmo que a pessoa preferisse não o fazer.
Autoridade é a habilidade de levá-las a fazerem de boa vontade o que você quer por causa de sua influência pessoal.
A autêntica liderança se apoia sobre a autoridade e não sobre o poder.

* Qualidades de um líder:
Honestidade, saber dizer que errou, que acertou e ser confiável por isso.Bom exemplo porque falar sempre é mais fácil que o fazer.
Compromisso com o crescimento e progresso de todos, um bom´líder porporciona oportunidades de crescimento para sua equipe, para isso precisa ser bom ouvinte. Atitude positiva e entusiástica, é melhor ver o copo do jeito que ele está ( nem meio cheio, nem meio vazio) e buscar atingir seu objetivo de forma eficaz e feliz, seja para encher ou tornar vazio. Serve, doa-se aos outros e liderar também é saber dar limites.

 
Trecho interessante;

"-Deixe-me ver se consigo resumir o que aprendi, Simeão. A liderança começa com a vontade, que é nossa única capacidade como seres humanos para sintonizar nossas intenções com nossas ações e escolher nosso comportamento. É preciso ter vontade para escolhermos amar, isto é, sentir as reais necessidades, e não os desejos, daqueles que lideramos. Para atender a essas necessidades, precisamos nos dispor a servir e até mesmo a nos sacrificar. Quando servimos e nos sacrificamos pelos outros, exercemos autoridade ou influência, a "lei da colheita" de que Teresa falou. E quando exercemos autoridade com as pessoas, ganhamos o direito de sermos chamados de líderes."

 
Tudo na vida são escolhas. O ato de não escolher é inclusive uma escolha: a escolha de não escolher! Nossas escolhas geram consequências.
É importante disciplinar-se. O amor efetivo só se consegue com disciplina. O servir só se consegue com disciplina. Ser líder baseado na autoridade é algo a ser conquistado através da disciplina.
Disciplinar-se é tornar natural aquilo que não é natural em nós.  Pra se conseguir uma virtude, pra se amar efetivamente, é necessário o exercício, a perseverança, a disciplina, a ponto de se habituar com a virtude.

Vemos o mundo não simplesmente como ele é. Nós o vemos como somos.

"Para cada esforço disciplinado há uma retribuição múltipla". A principal recompensa da disciplina, do amor e do serviço é a felicidade interior, que o livro chama de alegria. A satisfação interior... mesmo nos momentos de dor, uma luz estará acesa lá dentro, pois estaremos em sintonia com Deus e com o que há de bom em nós.

Um comentário:

Karina Bottura disse...

Bem legal! Vou comprá-lo. Deve ser bem interessante.... beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...